6) Coração em lágrimas

O Destino pretende separar-nos, bem que tu queiras e eu também, vamos tentando negar-se enquanto os sentimentos silenciosos tornam-se mais fortes, bem que podes ignorar todo o amor que por ti sinto!
Podes negar a primeira lágrima que no teu rosto cai por mim, falta da minha presença, ou talvez… o teu querer tão forte de orgulho, que nisso duvido que um dia mudes, e sabes tão bem como sei dar-te a volta, tão rápido regressa aquela emoção e ilusões que Hoje, mera ilusão!
Não te tenho a meu lado, os nossos sonhos ficaram intactos, o que construímos até Hoje já foi esquecido, a tua ânsia de me quereres só para ti mudou, desapareceu como a folha que o vento levou.
Ao anoitecer, olhava para o céu, como gostavas de ver as estrelas, o luar a meu lado. Como se uma única palavra tua me sensibilizasse e como gostava tanto. Como tu falas em pensamento da minha pessoa…
Enfim… o passado só a chuva levou e no meu coração permaneceu a tua pessoa, o mesmo sentimento, a mesma ânsia de te querer como sempre, e um dia espero-te de braços abertos para que, o futuro seja diferente, como sempre me fizeste sentir.
Outubro de 2010

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Hoje meu, amanhã teu!

Crónica: Pede-me o Que Quiseres Agora e Sempre de Megan Maxwell | 2 Volume da Saga

Crónica: Pede-me o Que Quiseres ou Deixa-me de Megan Maxwell | 3 Volume da Saga